Confirmados os nomes das três pessoas que morreram em acidente na BR-470, em Pouso Redondo

0

O Instituto Geral de Perícias (IGP) confirmou no começo da tarde desta quarta-feira, dia 24, as identidades dos três argentinos mortos em um acidente de trânsito na BR-470, em Pouso Redondo na tarde desta terça. Carlos Luis Silva de 55 anos, Iris Alejandra Acosta de 27 anos e Nabila Alejandra Silva de 7 anos. Os corpo serão transladados para a região fronteiriça de Misiones, de onde eram originários.

Também ficaram feridos no acidente Lorena Alejandra Lindstrom (esposa de Carlos) e Lautaro Julián Silva. Os dois foram encaminhados para o Hospital Regional Alto Vale, em Rio do Sul. Eles não tiveram lesões graves e foram liberados ainda nesta quarta. Segundo a assessoria do hospital, ambos deixaram a unidade por volta das 13h30min

Segundo o jornal argentino Clarín, as vítimas do acidente estavam a caminho da cidade de Balneário Camboriú, onde passariam as férias. Ainda segundo o Clarín, Carlos era funcionário público na cidade de Posadas. Na juventude, havia sido ciclista e goleiro de uma equipe de futebol local. A sua esposa, Lorena, também é funcionária pública. Já Iris Alejandra Acosta, que morreu na batida, era amiga do casal.

O acidente

Cinco veículos se envolveram na colisão, que ocorreu na altura do Km 184 da BR-470. De acordo com a PRF, um caminhão teria tentado desviar de outro carro na pista e, então, se chocado contra o Renault Megane onde estavam os argentinos. O veículo foi completamente esmagado por um contêiner que era transportado pela carreta.

Outros dois feridos no acidente — o motorista da carreta e o condutor de um Fiat Strada – foram encaminhados ao Hospital de Pouso Redondo. Eles também não tiveram lesões graves e já foram liberados.

Com informações Jornal de Santa Catarina

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.